top of page

Rumores sobre o Diretório do PSDB de Itaguara

Atualizado: 25 de jan.


Logomarca do PSDB Itaguara. Reprodução: Redes sociais do partido

No cenário político de Itaguara, rumores sobre uma possível disputa pelo PSDB tem chamado a atenção de quem acompanha os bastidores da política local. O PSDB itaguarense teria ficado à deriva após rumores sobre a saída do atual prefeito, Geraldo Chumbinho, motivada por críticas à neutralidade da legenda no segundo turno das eleições presidenciais de 2022.


Em meados de outubro de 2022, a divergência quanto ao apoio velado do PSDB e ao apoio explícito de vários integrantes históricos do PSDB, como o ex-presidente FHC e o ex-senador Aluísio Nunes, a Luiz Inácio Lula da Silva (PT) levou ao anúncio de desfiliação de Chumbinho e outros três prefeitos do PSDB, conforme matéria veiculada pelo jornal O Tempo - mencionada no fim desta matéria.


A possível debandada dos prefeitos tucanos ganhou destaque nos meios de comunicação na época, sendo abordada inclusive em matéria do jornal O Tempo. Donizete Chumbinho chegou a comparar a postura do partido a uma "folha de bananeira" esperando para ver para qual lado o vento vai soprar. Ele declarou à imprensa naquela ocasião: "Estamos juntos para poder estar juntos com Bolsonaro para manter e dar continuidade ao trabalho que precisa para acertar esse país."


O presidente estadual do PSDB, deputado federal Paulo Abi-Ackel, no momento do anúncio da saída de Chumbinho (o que não se concretizou, conforme apuração do SN) e dos outros três prefeitos do partido divulgou uma nota oficial crítica, destacando que no PSDB não haveria "espaço para aqueles que buscam impor suas opiniões sem respeitar o pensamento divergente que eventualmente possa existir".


Desde a redemocratização, o PSDB é o partido que por mais tempo governou Itaguara. Foram 18 anos, durante os três mandatos de Ubiraci Prata Lima, o Bira, e um mandato e meio do atual prefeito Donizete Chumbinho. Em seguida vem o PT, que governou a cidade por 8 anos nos dois mandatos de Alisson Diego. Em terceiro lugar, está o MDB, que comandou a cidade por quase 8 anos, nos governos de Rui Lara, que à época venceu as eleições municipais pelo extinto PFL (hoje DEM), mas com menos de um ano de mandato migrou para o PMDB a convite do ex-deputado Marcos Lima.


Atualização


O prefeito Donizete Chumbinho entrou em contato com o SN e garantiu que não há qualquer disputa pelo PSDB em Itaguara e que ele continua regularmente filiado ao partido. O prefeito disse ainda que após as eleições, foram feitas conversas com a direção do partido e foi consensual a sua permanência na legenda.


* Matéria do Jornal O Tempo em 14/10/22 quando Chumbinho e outros três prefeitos saíram do PSDB fazendo sérias críticas ao partido pela neutralidade no segundo turno as eleições presidenciais. Eles queriam que o partido apoiasse abertamente Bolsonaro: https://www.otempo.com.br/eleicoes/quatro-prefeitos-anunciam-saida-do-psdb-mg-apos-apoio-de-liderancas-a-lula-1.2750108



0 comentário

Comments


bottom of page